Ariana Campos Yang

Diretora Clínica

Dra. Ariana Campos Yang - CRM: 95235

  • Doutora em Ciências pela USP
  • Coordenadora dos ambulatórios de Alergia Alimentar, Esofagite eosinofílica e Dermatite Atópica do Serviço de Imunologia Clínica e Alergia do HC - FMUSP
  • Médica Assistente do Serviço de Alergia e Imunologia da UNICAMP
  • Diretora na ASBAI- Regional SP
  • Diretora clínica do Instituto de Alergia Campinas (IAC)

Concluiu a graduação em medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos em 1998. Em 2001, fez residência médica em Alergia e Imunologia no Hospital das Clinicas de São Paulo (HC-FMUSP), e em 2002 recebeu título de Especialista em Alergia e Imunologia pela ASBAI. É doutora em Ciências pela Faculdade de Medicina da USP em 2009. Atualmente é médica assistente no Hospital das Clinicas de São Paulo (HC-FMUSP) e assistente com função docente na Faculade de Medicina da UNICAMP, coordenadora dos ambulatórios de Alergia alimentar, Dermatite atópica, e Esofagite eosinofílica nos Serviços de Imunologia Clínica e Alergia desses dois hospitais. Atua no ensino de graduação, na formação de residentes em Alergia e Imunologia, e na pós-graduação com projetos em Alergia alimentar, Esofagite eosinofílica e Dermatite atópica. Diretora Clínica do Instituto de Alergia Campinas. Em 2003 desenvolveu protocolos pioneiros em Dessenssibilização para tratamento de alergia alimentar, que continuam sendo praticados com finalidade assistencial e de pesquisa; em 2006 implementou ambulatório especializado em Esofagite eosinofílica. Possui produção científica, com publicações em periódicos especializados, escreveu diversos capítulos de livros, atuou como coordenadora da edição de livro sobre alergia alimentar em 2010, e de outro sobre Esofagite eosinofílica em 2022. Participou de eventos no exterior e no Brasil. Dedica-se à comunicação científica para público leigo através de vários canais de mídia (televisão, rádio, internet), além das redes sociais. Atua na área de medicina, com ênfase em alergologia e imunologia clínica. Os termos mais frequentes na contextualização da produção cientifica, tecnológica e artístico-cultural são: imunologia, alergia, alergia alimentar, dermatite atópica e esofagite eosinofílica.

Entre em Contato

console.log("teste ");
X